Blog Indústria do Seguro

Seguros com Segurança.

  • Página Principal
    Página Principal Aqui você pode encontrar todas as postagens do blog
  • Tags
    Tags Mostra uma lista de tags utilizadas no blog.

Postado em em Seguros

Depois da criação da ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) muita coisa mudou para melhor: foram estabelecidas regras de aumentos, os atendimentos foram ampliados e, o principal, houveram conquistas importantíssimas no âmbito dos direitos dos consumidores de seguro saúde. Maravilha!
Seguro Saúde
Mas isso tudo teve seu preço. O Estado se distanciou de uma de suas funções básicas, que é a de proporcionar o atendimento de saúde a seus cidadãos, e transferiu para a iniciativa privada. Nada demais, bastante normal. Fazendo um correlato, as estradas com pedágio são melhores que aquelas administradas pelo governo, não é mesmo? Com a saúde não foi diferente. Entretanto, na tentativa de proteger os direitos do cidadão, a influência do Estado na condução dos negócios de saúde gerou um afunilamento das opções, dificultando para alguns e impossibilitando para outros. 

Estudo da Liberty Seguros mostra que oscilação de energia elétrica é a principal causa de danos aos eletroeletrônicos e eletrodomésticos, com mais frequência no interior de São Paulo.

O dano elétrico decorrente de tempestades (raios e vendaval) e oscilação de energia é a principal causa dos acidentes com eletroeletrônicos e eletrodomésticos dentro das residências. Segundo estudo realizado pela Liberty Seguros, com base em 5.715 mil solicitações de atendimentos a residência (casa e apartamento) de seus segurados, entre dezembro de 2011 a novembro de 2012, 44% dos incidentes corresponderam a danos elétricos.Choque elétrico

Segundo o diretor de Sinistros da Liberty Seguros, Francisco Minarelli, os eletroeletrônicos e eletrodomésticos queimados pela oscilação de energia, devido a tempestades ou problema na transmissão, têm sido a principal causa de acionamento de seguro residencial. “Danos elétricos acontecem principalmente em dias chuvosos e tiveram mais ocorrências em algumas cidades do interior de São Paulo, por exemplo, em Ribeirão Preto, Araçatuba, Franca, Marília e Presidente Prudente, chegando a ser mais do que o dobro da média no Brasil, que corresponde a 2,2% para cada 100 residências”, afirma.

O deputado Ossésio Silva (PRB-PE) é autor do Projeto de Lei Ordinária 1.271/2013, apresentado em 5 de fevereiro na Assembleia Legislativa de Pernambuco. A proposta “dispõe sobre a exigência legal da contratação de seguros patrimonial que cubra danos decorrentes de fogo e explosão de gás por parte das casas noturnas”.Dura Lex, Sed Lex.

Legislação que proíbe dirigir embriagado dá provas para seguradora. Motorista pode ficar sem a carteira, ser multado e não ter direito a cobertura em caso de acidentes.

Proibido dirigir bebado!

Ao sair de um restaurante em Belo Horizonte, a contadora S. V. esbarrou seu carro em outro veículo, danificando o automóvel. A polícia foi chamada ao local e a consumidora aceitou se submeter ao exame de sangue exigido pela Lei Seca. Apesar de o teste clínico realizado pelo médico perito ter atestado que a motorista tinha sobriedade para dirigir, o resultado do exame de sangue apontou que a concentração de álcool no organismo estava acima do limite permitido pela lei. Com a prova de fogo positiva, a seguradora não pagou pelo conserto do automóvel e o prejuízo foi integralmente para a conta da consumidora.

Assuntos delicados muitas vezes devem ser tratados diretamente e sem rodeios. Nossa dica para seu Seguro trata de um assunto delicadíssimo, porém inevitável. Um dia iremos faltar e, com certeza, algumas pessoas queridas e que dependem de nós poderão ter dificuldades. Assim, vou lhe fazer uma pergunta importante:

Quando você vier a faltar, alguém de sua confiança sabe em quais seguradoras estão sua(s) apólice(s) de seguro de vida?

Mais uma vez eu respondo para você com grande possibilidade de acerto: ninguém.

Olá,

Trecho de um atendimento feito por um de nossos gerentes de contas:

  • Gerente: "qual o carro"?

  • Cliente(com voz de um rapaz novo): "Uma Pick-up cabine dupla, turbo-diesel, com mata-cachorro, faróis no teto e pneus para trilha"b2ap3_thumbnail_mulher-ao-tel.jpg

  • Gerente: "o seguro será feito por quem?"

  • Cliente: "por mim mesmo"

  • Gerente: " e o senhor é o principal condutor?"

  • Cliente: "não, o principal condutor é minha avó(???) de 78 anos, que mora no interior do Estado"

  • Gerente: "o veículo está em nome dela?"

  • Cliente: "não, está em meu nome mesmo. Tenho 21 anos, moro aqui na capital, mas um amigo meu falou que se eu colocar em nome da minha avó, que mora no interior, o seguro fica mais barato"...

Não precisa nem dizer que o nosso gerente não concretizou o seguro nessas condições, não é mesmo ?

Avaliação média de Indústria do Seguro são 5 Estrelas de 5 estrelas - Baseado em 142 Avaliações
Incluir Depoimento
SUSEP :10.0302767   |   Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.  |   Procon-RJ

 

Seguro de Carro Seguro de Moto Seguro de Caminhão Seguro Empresarial Seguro de Condomínio
Seguro de Casas e Apartamentos Seguro Aluguel Seguro de Vida Seguro Saúde Seguro Odontológico
Seguro de Transportes Seguro Viagem Seguro de Equipamentos Seguro de Acidentes Pessoais Seguro Garantia
Seguro de Responsabilidade Civil Previdência Privada Seguro de Estagiários Outros Seguros